Carta a uma mãe angustiada

Home  /  Família  /  Carta a uma mãe angustiada

Carta a uma mãe angustiada

Post type Image 23
set,2015
Author Comment
Blog Post Like
12

Hoje queria dedicar meu tempo de escrita e o espaço a uma mãezinha que passa um período difícil e tem seu coração aflito por causa de seu filho, uma criança de 11 anos que está doente e precisa de TMO (transplante de medula óssea) e apesar de já ter doador na família, sua irmã mais velha, a ao fato do transplante já estar para ocorrer na próxima sexta, 25/09/15, essa mãe está abatida, enfraquecida pelo que já passou e talvez saiba que passará.

Queria justamente dizer que tenha fé, que acredite sempre que algo de bom nos espera. Claro que temos medos e é normal, mas que a força divina prevaleça em seu coração e que possa te acalmar e trazer tranquilidade e esperança. Seu filho precisa ver isso em seus olhos e com certeza fará no tratamento maravilhas que nenhum medicamento será capaz de realizar.

Converse com Deus, Ele está sempre pronto para ouvi-la, diga quais são suas angústias e peça a paz que seu coração precisa.

PaulinhoTambém choro e sofro, mas nunca deixo de acreditar sequer um segundo na cura. Não sabemos a razão de viver algumas dificuldade ou doenças, talvez não exista uma razão. O importante é que ao final possamos sair mais fortes e que nos traga aprendizado.

Não escolhemos algumas coisas que a vida coloca em nosso caminho, mas uma vez lá devemos superar. Nascemos guerreiros! Desde nossa concepção onde vencemos uma corrida com milhares para que pudéssemos estar aqui hoje.

Hoje te escrevo porque alguém falou comigo sobre você. Achei tão lindo e emocionante esse ato de amor verdadeiro, amor onde não se espera nada em troca, só o bem do próximo, que senti vontade de te dizer tudo isso.

Espero do fundo do meu coração que possa transmitir energia boa e que seu coração transborde de esperança, de fé.

Sobre o Autor

Author
Octavio Fernandes
Analista de Sistemas acabei extrapolando um pouco meus horizontes. Gosto de observar e analisar tudo que vejo, ouço e sinto. Acredito que a vida é muito mais que estudar, trabalhar, ganhar dinheiro... a vida é para ser curtida em todos os momentos, até nos mais difícieis! E olha que disso entendo...